Quem foi André Courrèges

André Courrèges , (nascido em 9 de março de 1923, Pau , França – morreu em 7 de janeiro de 2016, Neuilly-sur-Seine , França), designer de roupas que ganhou fama no mundo da moda parisiense dos anos 1960 por seu estilo futurista.

Courrèges queria ser um artista, mas seu pai o dirigiu para a engenharia, na qual ele teve sucesso. Em 1948, ele se juntou ao pessoal do estilista Cristóbal Balenciaga e, eventualmente, avançou para o cargo de primeiro assistente de Balenciaga.

Em 1961, Courrèges abriu sua própria casa de moda e, em 1964, estabeleceu-se como um dos costureiros mais originais de Paris. Sua coleção apresentava calças proporcionais e bem cortadas, roupas rigidamente construídas com “trapézio” liso, ou linhas trapezoidais, e saias curtas, com botas midcalf brancas e grandes óculos escuros como acessórios. Branco tornou-se sua marca registrada.

Como seus projetos simples foram amplamente copiados, em 1965 ele estabeleceu um controle rigoroso sobre a fabricação de seus projetos. Em 1967, ele mostrou tanto criações de alta costura quanto roupas prontas para vestir em sua boutique, Couture Future, com distribuição controlada por meio de pontos de venda licenciados. Seus projetos permaneciam dramaticamente simples, com uma completa falta de nostalgia , e incluíam inovações como calças de quadril, tops transparentes, macacões de lantejoulas e ternos e casacos de vinil.

Em 1984, Courrèges vendeu sua empresa para um grupo de investidores japoneses. Apesar dos esforços de sua esposa, Coquelines, para relançar a empresa, ela desaparece, definitivamente, no ano de 2002.

Em 2011, Jacques Bungert e Frédéric Torloting assumem o controle da marca. Eles contratam os designers de Coperni , Sébastian Meyer e Arnaud Vaillant , para que Courrèges retorne às passarelas. “Toda a sua vida, André Courrèges, juntamente com Coqueline, nunca parou de avançar ou inventar coisas para acompanhar sempre a vanguarda. Eles eram um casal de visionários que adivinharam como seria o século 21 e acreditavam no progresso. É isso que faz com que Courrèges permaneça moderno hoje”, declararam os novos proprietários.

Após desenvolver a doença de Parkinson, o designer do futuro, André Courrèges, morre no início de 2016.

Entre as mais recentes criações de Courrèges estão diversas roupas com aplicações esportivas. Em contraste, ele também desenhou um vestido com transparências e lançou uma linha de trajes de banho reveladores, unidos apenas por tiras finas nas extremidades. Foi baseado em cores brilhantes e desenhos geométricos clássicos.

Courrèges foi um dos designers mais imitados do seu tempo. Pouco depois de apresentar sua coleção em estilo espacial de 1964, o mercado foi preenchido com saias e jaquetas de plástico, roupas com estilo geométrico, botas brancas e óculos grandes.

O trabalho de André Courrèges foi considerado como um visionário: ele estabeleceu um universo radical, pessoal e polimorfo no mundo da moda.

× Como posso te ajudar?
Add to cart